domingo, 27 de outubro de 2013

Quando o tiro sai pela culatra




Seria tão legal se a vida as vezes seguisse o script mental que fazemos dela. De vez em quando as coisas acontecerem como o planejado, seria bem divertido. 
Só que não é assim tão fácil. Os nossos atos, vindos de nossos planos, são interferidos e interagem com os atos de outras pessoas. Fazendo com que tudo termine exatamente o contrário do que queríamos.
Com isso podemos ter surpresas muito agradáveis ou decepções gigantescas. E o pior, afetamos também pessoas ao redor. Muitas vezes pessoas queridas que não gostaríamos que fossem envolvidas.
Já que nem tudo é perfeito temos que aceitar que tudo pode, ou não, acontecer. Resultados de nossos planos e atitudes, mas não será feita nossa vontade.